Mancal de Rolamento em Santana

Segundo, ANDRADE JÚNIOR (1994), mancal é definido como um dispositivo fixo fechado, sobre o qual é apoiado um eixo. Sua função é comportar um eixo, e existem duas formas principais empregadas para esse propósito: o mancal de deslizamento, na qual há uma bucha de material macio entre a base do mancal e o eixo, tratando-se de uma solução para baixas rotações; e o mancal de rolamento, adequado para maiores rotações.

Os mancais são de grande relevância para o perfeito funcionamento das máquinas, caso ocorram falhas nos mancais grandes prejuízos podem ser percebidos na produção. Existem dois tipos de

Tipos de mancais
Mancal  Deslizamento
Mancal de Rolamento.
Mancal de esfera
Mancal de Rolete
Mancal de Agulha

A função do mancal de deslizamento é servir de apoio para eixos girantes. Estes mancais estão sujeitos às forças de atrito devido a rotação do eixo, ou seja, o atrito ocorre devido ao contato da superfície do eixo com o mancal.
Os mancais são constituídos de uma bucha fixada em um suporte e são
utilizados em máquinas pesadas e em equipamentos de baixa rotação, porque a baixa velocidade evita o superaquecimento dos equipamentos expostos ao atrito. São simples de montar e desmontar. A vida útil dos mancais de deslizamento poderá ser prolongada seguindo alguns parâmetros: os materiais necessitam ser muito bem escolhidos e apropriados a partir do desenvolvimento do projeto de fabricação. O projeto de fabricação deverá prever os modos para os trabalhos de manutenção, conservação, limpeza, lubrificação, alinhamento e reposição, mas no caso de possíveis danos faz-se importante consider as principais funções dos mancais de deslizamento, que são: apoiar e guiar os eixos.

Abaixo figura de um mancal de deslizamento:

Mancal de rolamento
Este tipo de mancal é utilizado quando é necessário maior velocidade e menor atrito.
Quando o eixo gira dentro do furo é produzido o atrito denominado de escorregamento. Para reduzir esse atrito utiliza-se o rolamento: que é um elemento de máquina que permite o movimento relativo controlado entre duas ou mais partes. Eles limitam as perdas de energia produzidas pelo atrito.
O comportamento do mancal de rolamento pode ser verificado através do tato e da audição. No entanto, para fazer a avaliação do processo de giro, é necessário girar o rolamento lentamente através do tato, isso permite constatar se o movimento está tendo dificuldades para girar ou não. Já na avaliação pela audição é necessário que o rolamento gire através de rotações reduzidas, levando em consideração o ruído emitido que se classificam como: raspantes, estrepitoso ou metálico; se isto ocorrer é porque as pistas estão sujas, descascadas, com folgas ou com falta de lubrificação.
O mancal de rolamento é constituído de dois anéis concêntricos e entre esse anéis são colocados elementos rolantes como:

Esfera, Rolete e Agulha.
As figuras abaixo representam os três tipos de mancais : esfera, rolete e agulha:

Mancal de Esferas
Mancal de rolamento esfera é apropriado para rotações mais elevadas. A transmissão do anel com a esfera é precisa e desse modo a lubrificação é essencial, pois as esferas fazem seu movimento em um único caminho entre os anéis, permitindo o livre movimento do eixo.

Mancal de Roletes
São elementos de máquinas com o formato de rolos cônicos, cilíndricos ou barriletes espalhados por todo centro entre os dois anéis como as esferas, mas somente permitem que os rolos fiquem fixos e utilizados quando se precisa de velocidades menores e cargas maiores.

Mancal de Agulha
Os corpos rolantes que estão entre os anéis são de pequenos diâmetros de no máximo 5mm e comprimento 3 a 10 vezes maior que o diâmetro. Estes são utilizados para mecanismos oscilantes em razão dos rolamentos de agulha terem alta rigidez, onde o espaço radial é limitado e a carga não é constante.

Vida útil do Rolamento
Para escolher o material e adotar o tamanho do mancal, são utilizadas as tabelas práticas, como a tabela acima para maior desempenho do mancal a ser empregado.
Funcionamento perfeito de um mancal:
Para que a funcionalidade do mancal seja perfeita é necessário seguir todas as recomendações do fabricante, fazer a manutenção periódica e verificar sempre se há pequenos danos, para que assim providências preventivas sejam tomadas.